9 de ago de 2015

Os patins clássicos estão de volta

Desde criança sempre fui apaixonada por patins mas deixei o lazer de lado quando roubaram o meu. Só então no Natal de 2014 eu resolvi pedir um patins de presente e quem me acompanha no instagram já percebeu que sempre que rola uma folga eu tô andando.


Pra completar o meu amor por patins, a Melissa lançou em junho o Roller Joy, uma edição limitada (com apenas 1979 unidades)* desses patins estilo anos 70 com duas rodas paralelas ou também chamado de "quatro rodas" - o que nunca fez tanto sentido pra mim já que o in line também tem quatro rodas, mas ok.
*O número de unidades faz referência ao ano em que a Melissa foi criada.


Simbolista e original, a Melissa adaptou para os patins a personalização da Melissa One By One, que é vendida individualmente com estampas diferentes que combinam entre si! 
Há somente uma única versão nas cores preta e bege, no pé direito, poás; no esquerdo, metade de uma cor, metade de outra.
Eu que amo vintage não podia deixar de querer uma, mas cada par da Roller Joy está custando R$ 700 reais, então é bom economizar se você quer entrar na onda também.
Ela está disponível em 3 tamanhos: P (35/36) M (37/38) e G (39/40) e acompanha chave para ajuste de freio, chave para ajuste de roda e alça para transporte.
Está sendo vendida nas galerias melissa de São Paulo, Nova York e Londres. O lugar mais acessível para encontrar essa lindeza é na Loja Melissa e alguns Clubes Melissa selecionados.



O que muita gente não sabe é que o in line foi inventado antes do “quatro rodas”! Os primeiros patins foram criados por volta de 1760 e eram constituídos por uma única linha de rodas e assim foi até 1863, quando James Plimpton revolucionou o mundo dos patins inventando um patins com quatro rodas, dois pares lado a lado. Esse modelo facilitava as curvas e o equilíbrio, dessa forma qualquer um podia andar, o que ajudou na disseminação do esporte e estilo. Só em 1980, o in line virou hit novamente e assim o “quatro rodas” virou clássico. 


Sabendo das possibilidades comerciais, Plimpton abriu os primeiros rinques de patinação em Nova Yorke e Rhode Island. Os rinques, oferecidos como forma de lazer para toda a família mudaram também a forma que os casais apaixonados tinham para se ver e se relacionar, uma vez que estavam livres para dar as mãos e patinarem juntos.

Não era a revolução sexual que o mundo experimentaria anos mais tarde com o advento da pílula anti-concepcional, mini-saias e "amor livre", mas já transmitia um sentimento de liberdade.




E se você está procurando outros estilos nos modelos in line ou quatro-rodas pra comprar, indico o site Shox Sport, da Vanessa Nóbrega. Ela entende muito de patins e pode esclarecer todas as suas dúvidas quanto ao modelo e se ele é apropriado para o que você quer. Ela também tem um instagram onde posta vídeos e fotos andando de patins e foi por lá que eu a conheci.



Nenhum comentário:

Postar um comentário